Desde 1998 aliando qualidade e bom gosto.
0800 645 2644
Enciclopédia  » Selecione uma opção para mais detalhes
A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

Aplicação de folha decorativa

Durante o processo de fabricação dos perfis de PVC (pelo método de extrusão), a folha decorativa desejada é aplicada. Demais informações sob http://www.renolit.de

Aprovação da casa passiva

Este termo foi criado pelo Dr. Feist de Darmstadt (Alemanha) e fixado com base nos critérios de suas investigações. Na obediência das mesmas é emitido, após ensaios realizados por seu Instituto, um certificado que permite a denominação "componente aprovado para casa passiva". Neste caso, porém, é feito apenas uma avaliação do ponto de vista termo-técnico, a aptidão para uso não é avaliada.

Arremate do vidro

O arremate do vidro é um componente da folha com a finalidade de fixar e escorar o vidro da janela.

Água de suor

Sob certas condições climáticas, tanto vidro quanto caixilho, como também outros componentes podem "suar". Para tanto, alguns exemplos da vida diária:

Armamento

O reforço (enrijecimento) de perfis com perfis de aço ou alumínio, por meio de aparafusamento com aqueles, chama-se armamento. Ele não é visível na janela pronta.

APTK/EPDM (Etileno-propileno-terpolímero-borracha)

A denominação internacional é EPDM. Trata-se dum material de vedação extremamente elástico, resistente às intempéries, ao ozônio e à tração.

Altura do peitoril

Indica a altura da parede embaixo da janela.

Acetinar

Expor a superfície ao jato de areia e em seguida alisar com flúor.

Apresentação da fachada

Janelas são elementos importantes na apresentação da fachada. Em ritmo, forma e área conferem à edificação um peso especial. Para construções antidas e novas, janelas oferecem a segurança da apresentação arquitetonicamente perfeita. São sistemas individualmente adaptáveis, que se subordinam em forma e tamanho aos seus desejos criativos - para construções novas e antigas.

Coeficiente de passagem de calor em relação ao comprimento

Ele designa a perda de calor no acabamento das bordas do vidro de isolamento. Para mantê-la baixa, podem ser colocados sistemas de acabamento das bordas com proteção contra perda de calor (TPS, Swisspacer, Thermix, TIS). Na norma européia o valor "Psi" é considerado valor "U". Assim sendo, janelas da mesma construção com tamanhos diferentes têm valores "U" diferentes. Os valores DIN de janelas são ca. de 0,1 - 0,3 W/m²k mais baixos do que das janelas calculadas pela norma européia.

Coeficiente de passagem do calor

Este valor indica, qual a potência (quantidade de calor) que passa numa diferença de temperatura de 1°C entre o lado interno e externo por uma área de 1m². Ele identifica o tamanho da retenção de calor de um material. Ele depende do tipo e da espessura do material.

Construção de travessão

Um travessão é ligado ao caixilho. Por meio dum perfil de travessão uma janela de duas folhas é opticamente dividida em duas partes, isto é, o travessão é fixo e não pode ser aberto junto com as folhas.

Construção projetante

O perfil projetante pode ser parte da folha. A construção projetante se parece pelo lado de fora com uma construção de travessa. O perfil projetante, porém, não é fixo, mas se abre junto com a folha da janela. Isto é, pelo perfil projetante a janela não é dividida em várias partes.

Caixilho

A moldura duma janela que é fixamente presa à alvenaria chama-se caixilho. Aí são montadas as ferragens para fechamento e ele é a limitação até onde a folha pode ser encostada.

Convecção

Convectores, colocados embaixo da janela, dirigem o ar da sala em volta do aquecedor e o aquecem desta maneira. O ar quente que sobe, aquece o ar que passa pelas áreas envidraçadas, e o leva consigo para cima. Revolvido, o ar circula e aquece a sala inteira, inclusive o piso.

Calafetagem da junção

Especialmente janelas de aço ou alumínio são equipados com perfis de borracha ou espuma. Estes garantem um fechamento suave e melhoram ao mesmo tempo o isolamento térmico e acústico. Os perfis são recomendáveis também para janelas de madeira ou plástico, devido à sua ação protetora.

Denominação de abertura

Direção DIN: A direção DIN descreve a direção de abertura da janela vista de dentro.

DIN esquerda: As dobradiças da janela estão do lado esquerdo de quem olha de dentro, conseqüentemente o puxador é colocado do lado direito.
DIN direita: As dobradiças da janela estão colocadas do lado direito de quem olha de dentro, conseqüentemente o puxador é colocado do lado esquerdo.

Denominações de abertura:

Durabilidade

A durabilidade e a vida útil de uma janela de PVC é muitas vezes maior do que alguns queiram reconhecer. Exemplo: O Instituto Suíço de Pesquisas EMPA examinou perfis com 15 anos de idade, no climaticamente prejudicado "Ospizio Bernina". A alta durabilidade dos perfis das janelas foi comprovada. Não faça compromissos na compra de janelas. Observe que PVC rígido modificado tem uma expectativa de vida praticamente infinita. Janelas de plástico não conhecem corrosão, não estufam.

DB (A)

Curva de avaliação em 40 dB, aproximada ao sentido de audição humana, para indicação do volume. Isto é, quanto mais baixo o valor dB, tanto mais alto é o volume de ruídos que vêm de fora.

Duplicação de caixilho

Componente da janela.

Distribuição da luz (difusão)

Através da quebra ou reflexão a luz que entra é distribuída, p. ex. por estruturas ornamentais da superfície.

Envidraçamento simples

Este tipo tradicional de janelas de envidraçamento simples custa muita energia que escapa através de muitos pontos sem isolamento e más condições de vedação. Antigamente se usavam janelas duplas ou fixas tipo caixão, isto é, duas janelas acopladas uma atrás da outra. Atualmente o uso de janelas de envidraçamento simples na reforma ou construção de novos prédios residenciais não é permitido conforme os regulamentos da construção civil.

Envidraçamento isolante

Com o envidraçamento adequado para proteção contra calor e ruídos, pode-se fazer algo mais para baixar sensivelmente os custos com aquecimento e reduzir os ruídos externos a um mínimo.

Estática

Janelas de plástico servem muito bem para elementos de grandes áreas, como também para serem usadas na construção de prédios altos. Aço ou alumínio fixados estaticamente formam o núcleo bom e forte das janelas de plástico. O cálculo estático para cada caso apresenta-se sem problemas e pode ser efetuado seguramente pelo arquiteto.

Extrusão

Extrusão é o processo de fabricação para janelas, perfis de persianas, bastões, canos, placas e cabos encapados. A máquina necessária para tanto chama-se extrusor.

Eficiência de respiração

Permeabilidade a ar e vapor. Quanto mais denso for o componente de construção, tanto menor sua eficiência de respiração. Vidro, metal e folhas de plástico são materiais impermeáveis. Neles o ar úmido da sala fica condensado.

Fahrenheit

Trata-se de uma das mais antigas escalas para medição de temperaturas, elaborada pelo físico alemão Gabriel Daniel Fahrenheit (1686-1736). Hoje esta escala ainda está sendo usada predominantemente nos países anglo-saxões. O ponto de congelamento (0° C) nela é fixado em 32° Fahrenheit com pressão normal de 100 Kilopascal, isto é 1.013 bar, assim sendo o ponto de ebulição (100°C) da água fica em 212° Fahrenheit.

A conversão de °F para °C é a seguinte:
(temperatura em °F - 32) * 5 / 9 = temperatura em ° C A conversão de ° C para °F é a seguinte:
(temperatura em °C * 9 / 5) + 32 = temperatura em °F

Flexão

Este valor estático indica a flexão de um perfil ou de uma lâmina de vidro. Para o cálculo deste valor consideram-se, dependendo das alturas para a montagem, variadas forças de vento (ver: desgaste em caso de pancadas de chuva - segurança). A flexão máxima não pode ultrapassar L / 300 no perfil e 8 mm no vidro.

Fator de temperatura

Para evitar a formação de bolor em construções residenciais, deve ser observada uma certa relação entre a temperatura de superfície do lado da sala e a temperatura exterior. Para cálculos oficiais podem ser usados somente os valores de cálculo da DIN 4108 (valores do diário oficial BAZ na Alemanha). Na maioria das ofertas, listas de preços e propagandas, os valores "U" para o vidro (p.ex. W 1,1) são os chamados valores DIN, que foram obtidos de acordo com uma norma de teste específica. Normalmente eles são ca. de 0,1 W/m²K melhores do que os valores BAZ, porém não se trata de valores oficiais.

Ferragens

Ferragens são todas as peças na janela, que contribuem para que funcione. A qualidade das ferragens contribui consideravelmente para o bom funcionamento e conforto. Janelas de plástico são equipadas com ferragens de renomados fabricantes, as quais somente são liberadas para uso após teste rigoroso. Dependendo do tamanho da janela é estipulado o número exato dos pontos de travamento. Com isto, assegura-se a impermeabilidade das frestas também sob condições extremas de intempéries.

Freqüência (f)

A altura dum som limpo é indicada pela freqüência: isto é, quanto maior a freqüência, mais alto o som. A medida para a freqüência é 1 Hertz (Hz) = 1 vibração por segundo.

Faceta

Uma faceta é uma borda lixada de forma inclinada (obs.: usa-se também o termo vidro bisoté - do francês biseauté)

Folhas de PVB

Folhas de poli-vinil-butiral servem para a união de duas ou mais lâminas de vidro para formar uma peça de vidro laminado de segurança. Estas folhas são altamente resistentes a rasgos e são elásticas.

Guarnições

A guarnição de uma janela é de borracha. Como o nome já diz, destina-se à vedação da janela e é necessária para compensação de quebra. Essencialmente existem três guarnições para vedação das frestas da janela inteira, as entre vidro e folha, entre folha e caixilho e do caixilho para a parede. Justamente na questão da vedação vale a pena que desde o início a janela inteira tenha sido objeto de pesquisa. Alta confiabilidade "em volta de toda a janela" é um resultado importante.

Ganho de energia

Um exemplo demonstra, quanta energia de aquecimento se pode ganhar com boas janelas; 10 bilhões de litros de óleo combustível - tanta energia os alemães queimaram no inverno de 1983/84 através de janelas antigas sem vedação. Com isto, uma cidade do tamanho de Ulm (Alemanha) consegue passar por 100 invernos.

História da janela

O longo caminho até a janela como a conhecemos hoje, começou com simples aberturas nas paredes para ventilação há 6.000 anos. Já na Ilha de Creta - há 4.000 anos – as aberturas de janela tornaram-se objeto estético, a paisagem em volta dos palácios foi integrada à construção dos mesmos. Por volta da era do nascimento de Cristo, os romanos deram os primeiros passos para o envidraçamento da janela, que ainda era de formato pequeno e opaco. Somente a invenção do cristal transparente abriu o caminho para a atual cultura de janelas. Hoje os materiais plásticos para caixilhos, resistentes ao apodrecimento, representam o nível máximo no desenvolvimento da janela.

Isoterma

Isotermas são linhas de temperatura igual. O decorrer da isoterma de 10° C indica em quais os pontos de uma peça testada se observa, no caso de certas temperaturas internas e externas a ocorrência de uma temperatura de 10°C. Ela representa a delimitação, na qual, com uma umidade relativa do ar de 50% e uma temperatura ambiente de 20°C, não há condensação caso a temperatura cair abaixo disso. Esta é uma marca importante para a determinação da posição de instalação de uma janela no corpo da parede. A posição da isoterma de 10°C varia de acordo com o tipo de construção da parede.

Isolamento acústico

Medida de isolamento acústico (R). Tira-se a média aritmética dos valores separados, apurados na faixa das freqüências de 100 - 3.200 Hz, em intervalos de três em três. A medida de isolamento acústico é dividida ao meio na marca de 100 Hz e na de 3.200 Hz, e a soma é dividida pelo número das medidas apuradas, menos 1. Medida de isolamento acústico avaliada RW. A curva de relação deslocada conforme a medida de isolamento a 500 Hz resulta na medida de isolamento acústico RW. Assim se obtém a seguinte relação: RW = LSM + 52 dB.

Isolação total de calor

Esta é a meta ideal das medidas de isolação térmica, a qual, porém, só pode ser atingida aproximadamente. Uma casa irradia calor para fora de maneira mais forte nas frentes envidraçadas. Por isso a gente deveria procurar aconselhamento sobre vidro isolante nas lojas especializadas.

Janelas de alumínio

Trata-se de janelas bem resistentes às intempéries, que não precisam de muita manutenção, e que podem ser encontradas em tamanhos padronizados ou sob medida, com envidraçamento simples ou duplo. Muitas vezes usa-se alumínio em construções mistas, onde uma capa de alumínio protege uma base de madeira. Em tais construções deveria ser observado um acabamento de alta qualidade, já que a água que penetra deixa a madeira apodrecer.

Limpeza

Suas janelas, portas, persianas e venezianas estão expostas a todas as intempéries e toda a poluição do ar. Mesmo que todos estes fatores – e também após muitos anos - não afetam a substância e o funcionamento de nossos produtos, eles ficam ainda mais bonitos com uma limpeza e um cuidado regular. Caixilhos normalmente sujos podem ser limpos com água morna, à qual se adiciona um detergente de lavar louça. O uso de produtos de limpeza abrasivos, assim como uma limpeza seca com pano, ou semelhante, devem ser evitados de qualquer maneira. Caixilhos muito sujos podem ser tratados sem muito esforço com um limpador específico.

Lado da dobradiça

O lado em que a folha da janela é fixada e para o qual esta se abre, chama-se lado da dobradiça. Este lado forma o eixo de rotação da folha.

Ligação com a construção

As ligações duma janela com a alvenaria podem ser distinguidas por três lados: